Você pode configurar a interface com uma ferramenta ou via modo texto.

Primeiramente vamos habilitar no CentOS a placa de rede para sempre que o computador ligar ela também ligue automaticamente.

cd /etc/sysconfig/network-scripts/
ls

ifcfg-eth0 ## Está é a sua primeira placa de rede e caso existam outras serão exibidas na sequência
ifcfg-lo ## Esta é a sua placa loopback padrão em todos os sistemas, não é necessário fazer nenhuma alteração neste arquivo
Pronto agora serão exibidas as suas interfaces de rede

vim ifcfg-eth0
##Altere esta linha
ONBOOT=no
## Mude para
ONBOOT=yes

Digite o comando:

setup

irá aparecer as opções elas são bem intuitivas.

 

ou você pode efetuar a configuração diretamente pelo shell

Configuração de rede no CentOS

Vou mostrar como configurar a rede no CentOS, com configuração dinâmica e IP fixo.

Abrindo o arquivo de configuração da placa de rede:

vim /etc/sysconfig/network-scripts/ifcfg-eth0

Obs.: sua placa de rede pode ter outro nome, fazendo o comando abaixo você descobre o nome da placa de rede:

ifconfig -a

Exemplo:

eth0 Link encap:Ethernet HWaddr 08:00:27:6B:28:B8

Ao editar o arquivo de configuração você tem duas maneiras de configurar a placa de rede:

Exemplo via DHCP:

DEVICE=eth0
TYPE=Ethernet
ONBOOT=yes
BOOTPROTO=dhcp

Exemplo via IP fixo:

DEVICE=eth0
TYPE=Ethernet
IPADDR=192.168.1.198
NETMASK=255.255.255.0
GATEWAY=192.168.1.1
ONBOOT=yes

Fique atento na opção ONBOOT, pois ela é responsável de lgar a interface de rede cada vez que o computador é reiniciado.

Reiniciando a placa de rede:

service network restart

Ou:

/etc/init.d/network restart

Verificando o IP:

ifconfig -a

Exemplo:

ifconfig -a

eth0 Link encap:Ethernet HWaddr 08:00:27:6B:28:B8
inet addr:192.168.1.198 Bcast:192.168.1.255 Mask:255.255.255.0
inet6 addr: fe80::a00:27ff:fe6b:28b8/64 Scope:Link
UP BROADCAST RUNNING MULTICAST MTU:1500 Metric:1
RX packets:2021 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
TX packets:658 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
collisions:0 txqueuelen:1000
RX bytes:308663 (301.4 KiB) TX bytes:77747 (75.9 KiB)

Agora falta somente mais uma configuração para a placa funcionar corretamente, que é configurar o DNS.

Abrindo o arquivo de configuração do DNS:

vim /etc/resolv.conf
###DNS do google
nameserver 8.8.8.8

By Lucas Rodrigues Monteiro

Bacharel em Sistemas da Informação, Certificado MCTS 70-680 / MOS, Trabalho como Administrador de Redes, Firewall e Servidores Windows e Linux! Minhas atividades favoritas são: Caminhar, Fazer Trilhas, Natureza, Insetos e claro ler sobre Tecnologia.

Deixe um comentário

Translate »